Como funciona o iPadOS

Quem sou
Martí Micolau
@martímicolau

O que é iPadOS

Antes de ir ao fundo do guia e se explicar como funciona o iPadOS, parece apropriado insistir por um momento na natureza desse sistema operacional e nos motivos que levaram a Apple a lançá-lo.

Para simplificar ao máximo, podemos dizer que o iPadOS nasceu da vontade da Apple de sublinhar a maturidade alcançada pelos seus iPads, especialmente os pertencentes à gama Pro, que agora podem fazer muito mais coisas do que os iPhones.



O objetivo do gigante de Cupertino é apresentando iPads como substitutos reais para computadores: para fazer isso, o sistema operacional que anima esses dispositivos não pode ter funcionalidade limitada, como as do iOS, ou melhor, deve ser capaz de explorar adequadamente um fator de forma, como o do tablet, que fornece uma tela maior e uso de componentes como caneta, teclado e porta USB-C.

Daí a necessidade de separar o sistema operacional do iPad daquele do iPhone e iPod touch, caracterizando-o com recursos dedicados exclusivamente a tablets, como um gerenciamento mais avançado de multitarefa, suporte para Apple Pencil, capacidade de usar teclado e mouse, compatibilidade com unidades de armazenamento externas e muito mais.

‚ÄúSob o cap√ī‚ÄĚ, no entanto, o iPadOS ainda tem o cora√ß√£o do iOS, ent√£o os aplicativos do iPad que eram compat√≠veis com o iOS tamb√©m s√£o perfeitamente compat√≠veis com o novo sistema operacional. O mesmo vale para dispositivos com suporte para iPadOS: quase todos os modelos de iPad compat√≠veis com iOS 12, mesmo n√£o muito recentes, podem ser atualizados sem problemas (e sem lentid√£o) para a nova plataforma.

Quanto √†s futuras vers√Ķes dos sistemas operacionais para iPhone e iPad, seu lan√ßamento deve ocorrer em paralelo, mas pode haver exce√ß√Ķes. Por exemplo, o iOS 13 (a primeira vers√£o est√°vel do iOS 13 para o iPhone) foi lan√ßado antes do iPadOS, que estreou com a vers√£o est√°vel 13.1 (junto com o iOS 13.1).



Tudo claro até agora? Bem, então eu diria que podemos agir e ver como usar o iPadOS.

Como instalar o iPadOS

Se você está disposto a tentar iPadOS, você deve seguir o procedimento clássico para atualizar o sistema operacional no seu iPad. Mas, primeiro, você precisa ter certeza de que seu tablet está na lista de dispositivos suportados pela nova plataforma.

  • 12.9 ‚Ä≥ iPad Pro
  • 11 ‚Ä≥ iPad Pro
  • 10.5 ‚Ä≥ iPad Pro
  • 9.7 ‚Ä≥ iPad Pro
  • IPad de 6¬™ gera√ß√£o (10.2 ‚Ä≥)
  • IPad de 5¬™ gera√ß√£o (9.7 ‚Ä≥)
  • iPad mini (2019)
  • iPad mini-4
  • iPad Air (2019)
  • iPad Air 2

Se voc√™ tiver um iPad listado acima, por instalar iPadOS, tudo que voc√™ precisa fazer √© ir para o menu Configura√ß√Ķes dispositivo (o √≠cone de engrenagem na tela inicial) e selecione os itens Geral e Atualiza√ß√£o de software na tela que se abre.

Aguarde, portanto, que apareça a mensagem relativa à disponibilização de uma nova versão do iPadOS e inicie o download e instalação, premindo primeiro o botão Baixar e instalar e então naqueles Aceitar e aceitável.

Os aplicativos, dados e configura√ß√Ķes permanecer√£o em vigor, mas, para garantir a seguran√ßa, recomendo que voc√™ fa√ßa um backup do iPad de qualquer maneira. Para o procedimento detalhado, convido voc√™ a conferir meu tutorial sobre como instalar o iPadOS.

Como usar o iPadOS

Depois de instalar o iPadOS no seu iPad, você estará pronto para dar os primeiros passos neste novo sistema operacional que, garanto, o surpreenderá com seu potencial e extrema facilidade de uso!


Tela inicial e multitarefa

As primeiras diferenças que você nota ao usar o iPadOS são as novas Tela Inicial e os novos recursos relacionados a multitarefa.


La Tela Inicial agora apresenta um layout otimizado, com uma grade mais estreita para ícones de aplicativos e deuses Widget (os mesmos que no iOS ficavam confinados a uma tela especial) no lado esquerdo.

Na primeira inicialização, você terá que confirmar a exibição dos widgets na tela inicial, respondendo afirmativamente ao aviso que verá aparecer na tela. Posteriormente, você pode personalizar a lista de widgets a serem exibidos na tela inicial ou desativar sua visão, rolando a seção da tela em que estão presentes e pressionando o botão Editar, na parte inferior (ou executando a mesma operação no centro do widget, como foi feito no iOS).

Isso abrir√° um menu contendo a op√ß√£o de ativar ou desativar a exibi√ß√£o de widgets na tela inicial (Manter na tela inicial) e a lista de widgets dispon√≠veis: para selecionar os widgets a serem exibidos na tela inicial, arraste-os para a caixa Favoritos em evid√™ncia. Em seguida, pressione o bot√£o final (canto superior direito), para salvar as altera√ß√Ķes.

Outra novidade interessante (tamb√©m presente no iOS 13 para iPhone) √© o modo escuro, que permite escurecer a interface do usu√°rio do iPadOS e dos aplicativos suportados (com fundo preto e bot√Ķes / menus em tons de cinza e branco). Para ativar o modo escuro no iPadOS, v√° para o menu Configura√ß√Ķes> Tela e brilho e marque a caixa escuro. Ao ativar a alavanca Autom√°tico, voc√™ tamb√©m pode ativar a mudan√ßa autom√°tica do modo claro para escuro com base na hora do dia (com a capacidade de personalizar essa hora).


Ainda na mesma tela, rolando para baixo, você pode escolher o tipo de grade para ser usado para os ícones na tela inicial e para ativar / desativar a exibição de Widget no ultimo.


Chegamos agora à gestão de multitarefa, que no iPadOS foi significativamente melhorado em relação ao iOS.

Para começar, como já acontecia no iOS 12, você pode ver dois aplicativos ao mesmo tempo na tela do iPad, usando a função Dividir a visualização. A Visualização Dividida permite dividir a área de trabalho em duas partes, escolhendo a proporção de telas a serem atribuídas a cada um dos dois aplicativos exibidos (50-50, 70-30 ou 30-70).

Para aproveitar as vantagens da função Split View, abra o ótimo aplicativo que você deseja exibir na tela, em seguida, chama o barra de doca (deslizando suavemente da parte inferior da tela, do centro para cima), pressione e segure osegundo ícone do aplicativo você deseja exibir em Split View e arraste-o em direção à borda esquerda ou direita da tela, de modo que ocupe um dos lados da área de trabalho. Em seguida, libere o soquete e o display Split View será ativado.

Uma das melhores coisas sobre o iPadOS √© que √© poss√≠vel usar v√°rias inst√Ęncias do mesmo aplicativo em Split View: isso significa que voc√™ pode, por exemplo, abrir Saf√°ri como o aplicativo principal e, em seguida, defina uma segunda inst√Ęncia do Safari como o aplicativo secund√°rio a ser exibido na outra metade da tela.

Outra boa notícia do iPadOS é o aprimoramento da função Deslizar sobre (que já estava presente no iOS 12). Se você nunca ouviu falar dele, com a função Slide Over é possível ter um aplicativo em uma janela flutuante, para ser recuperado se necessário (como um segundo aplicativo em comparação com o principal já exibido na tela ou como um terceiro aplicativo , se já estiver ativo executando dois aplicativos em Split View).

O extremamente interessante √© que o iPadOS estendeu a possibilidade de usar o modo Split View para muitos aplicativos, introduzindo o suporte para a abertura de novas inst√Ęncias de aplicativos j√° em execu√ß√£o: isso significa que √© poss√≠vel abrir in√ļmeras inst√Ęncias do mesmo aplicativo dividindo-as entre Dividir a visualiza√ß√£o e deslizar.

Para definir um aplicativo no Slide Over, abra qualquer aplicativo no iPad (ou dois aplicativos em Split View), invoque o barra de doca e arraste o ícone do aplicativo que deseja exibir na caixa flutuante para o local da tela de sua preferência. Em seguida, solte o botão e pronto.

Assim que a caixa Slide Over for exibida, você pode ativá-la desaparecimento automático movendo-o para a borda direita da tela e, em seguida, deslizando-o da esquerda para a direita (para fazê-lo "sair" da área de trabalho). Em seguida, para chamar a caixa, basta deslizar da borda direita da tela para dentro.

Se desejar, voc√™ tamb√©m pode adicionar v√°rias inst√Ęncias do mesmo aplicativo no Slide Over. Para navegar por todos os aplicativos abertos neste modo, fa√ßa um deslize para cima em linha branca que voc√™ v√™ na parte inferior da caixa do aplicativo atualmente no Slide Over. Para alternar rapidamente entre eles, em vez disso, fa√ßa um deslize da esquerda para a direita na mesma linha.

Para visualizar um resumo de todas as telas abertas para um determinado aplicativo, execute um torneira prolungato em seu ícone no barra de doca e selecione o item Mostrar todas as janelas no menu de contexto.

Il menu contextual ele tamb√©m cont√©m outras fun√ß√Ķes √ļteis, que variam de aplicativo para aplicativo. Por exemplo, em Saf√°ri as fun√ß√Ķes para abrir um s√£o mostradas novo cart√£o, uma nova aba privada, o marcadores e mais

Por fim, gostaria de destacar o agora muito famoso gesto emprestado do iPhone X e posterior: o de deslizar de baixo para cima na tela (no centro), que permite visualizar o menu com as janelas de todos os aplicativos abertos no dispositivo.

Nessa visualiza√ß√£o, √© poss√≠vel fechar os aplicativos simplesmente movendo suas miniaturas para cima (uma opera√ß√£o que √© in√ļtil, na verdade, prejudicial na maioria dos casos, como expliquei a voc√™ em um tutorial dedicado).

Escrita, edição de texto e Apple Pencil

Outras novidades do iPadOS dedicado à produtividade são aquelas relacionadas a digitação e edição de textos.

Na verdade, foram introduzidos novos gestos que permitem copiar e colar textos de uma forma extremamente simples: o belisque com tr√™s dedos, que copia a parte do texto selecionada; a pin√ßa dupla com tr√™s dedos, que corta a parte selecionada do texto; EU'abrindo com tr√™s dedos, que cola o conte√ļdo da √°rea de transfer√™ncia e o toque com tr√™s dedos que, por outro lado, permite exibir uma barra de ferramentas (na parte superior) com √≠cones para desfazer a √ļltima opera√ß√£o, recortar, copiar, colar e refazer a √ļltima opera√ß√£o desfeita. Tamb√©m √© poss√≠vel desfazer e refazer a √ļltima opera√ß√£o rolar com tr√™s dedos√† esquerda ou √† direita, respectivamente.

Esses gestos s√£o adicionados aos mais conhecidos por selecione o texto (toque longamente na primeira palavra e arraste no resto do per√≠odo a ser selecionado); selecione per√≠odos ou par√°grafos inteiros (por toque duplo ou triplo no conte√ļdo de seu interesse), selecione v√°rios itens (tocar e arrastar com dois dedos) e mova o cursor de texto (toque longamente na barra de espa√ßo do teclado iOS e arraste).

Quanto ao tastiera, a introdu√ß√£o do teclado flutuante, que permite reduzir o teclado iOS a uma pequena caixa para ser movida para qualquer lugar na tela e suporte para escrita via arrastando, que permite compor palavras simplesmente "passando" o dedo nas letras que as comp√Ķem (sem tirar o dedo da tela).

Para ativar o teclado flutuante do iPadOS, acesse o teclado virtual do seu iPad, faça um toque longo no ícone do teclado (canto inferior direito) e escolha a opção Flutuando no menu que é aberto.

A digita√ß√£o arrastar e soltar deve estar ativada por padr√£o. Se n√£o, v√° para o menu Configura√ß√Ķes> Geral> Teclado iPadOS e mover para cima ON a alavanca de voz Deslize no teclado flutuante para digitar.

Permanecendo no contexto de ‚Äúescrita‚ÄĚ, deve-se observar tamb√©m a possibilidade de instala√ß√£o fonte personalizado, atrav√©s de app Store, para ser usado em aplicativos compat√≠veis (por exemplo, os de processamento de texto). Voc√™ pode gerenciar as fontes instaladas no iPadOS acessando o menu Configura√ß√Ķes> Geral> Fontes.

Notícias também para A apple Pencil que agora, graças a algoritmos preditivos avançados, reduz seu latência para 9ms e vê o aparecimento de novos ferramentas e um novo paleta.

Suporte para dispositivos externos

A transi√ß√£o do iOS para o iPadOS marcou uma grande abertura do iPad para i dispositivos externos. Os tablets da Apple, de fato, agora podem finalmente se comunicar com dispositivos de armazenamento USB, os controladores dos mais populares consoles de videogame, mouses, teclados, monitores externos e Macs, atuando como monitores secund√°rios destes √ļltimos. Vamos tentar analisar todos esses recursos com mais detalhes.

  • Conex√£o Mac - Os iPads mais recentes equipados com iPadOS podem ser usados ‚Äč‚Äčcomo monitores secund√°rios para Macs executando macOS 10.15 Catalina ou posterior. A conex√£o pode ser feita via cabo ou wireless, como extens√£o do desktop Mac ou sua duplica√ß√£o.
  • Suporte para mouse e teclado - se os teclados externos sempre foram suportados pelo iOS (tanto Bluetooth quanto com conex√£o f√≠sica, no caso de iPads equipados com Smart Connector), o iPadOS marcou a adi√ß√£o do suporte para mouses Bluetooth. Indo, de fato, para o menu Configura√ß√Ķes> Acessibilidade> Toque> AssistiveTouch, ativando a fun√ß√£o Toque assistido (aquele que mostra um bot√£o inicial virtual na tela do dispositivo) e indo para a se√ß√£o Dispositivos> Dispositivos Bluetooth voc√™ pode emparelhar um mouse Bluetooth com o iPad e us√°-lo para controlar o tablet sem tocar na tela.
  • Suporte para drives de mem√≥ria externos - a falta de suporte para pendrives, cart√Ķes SD e outras unidades de armazenamento externo sempre foi uma das maiores falhas do iPad. Com o iPadOS, esse limite √© ultrapassado e, por meio do aplicativo Envie o, voc√™ pode acessar livremente o conte√ļdo desses dispositivos, para ser conectado √† porta USB-C do iPad Pro (usando adaptadores adequados, se necess√°rio).
  • Suporte para controladores de videogame - no iPadOS (e iOS 13), o suporte para controladores Bluetooth foi finalmente introduzido, incluindo os de consoles de videogame famosos, como PS4 e Xbox One. Os controladores devem ser emparelhados com o iPad (ou iPhone) como qualquer outro dispositivo Bluetooth. Para mais informa√ß√Ķes, voc√™ pode ler meu tutorial sobre como conectar o controlador PS4 ao iPhone (as instru√ß√Ķes tamb√©m s√£o v√°lidas para iPad).

Saf√°ri

Também Safári, o histórico navegador da Apple, passou por uma atualização significativa para o iPadOS.

Para come√ßar, a vers√£o iPadOS do Safari carrega todos os sites em modo desktop por padr√£o, e n√£o mais no modo m√≥vel. Al√©m disso, apresenta um novo p√°gina inicial contendo a lista de seus sites favoritos, os dos sites mais visitados e uma s√©rie de Sugest√Ķes Siri, incluindo, por exemplo, a lista de guias abertas em outros dispositivos conectados ao mesmo ID Apple.

O tão esperado merece uma menção especial gerenciador de download integrado no navegador, que finalmente faz sua estreia nos dispositivos portáteis da Apple e permite baixar qualquer tipo de arquivo em uma pasta, chamada Baixar, em seguida, acessível através do aplicativo Envie o ou o botão apropriado (la seta para baixo) disponível na barra de ferramentas do Safari, no canto superior direito.

Edição de fotos e vídeos

iPadOS também traz consigo uma série de ferramentas para editar fotos e vídeos de uma forma avançada mas ao mesmo tempo simples.

A notícia mais interessante certamente diz respeito aoedição de vídeo. Agora, na verdade, selecionando um filme no aplicativo foto e pressionando o botão Editar, no canto superior direito, você pode acessar uma série de ferramentas para edição não destrutiva do clipe.

A edi√ß√£o ‚Äún√£o destrutiva‚ÄĚ significa que as altera√ß√Ķes s√£o aplicadas aos v√≠deos (bem como √†s fotos), mas voc√™ pode refazer seus passos a qualquer momento e restaurar a vers√£o original do conte√ļdo.

Entre as novas mudanças que podem ser aplicadas aos vídeos, gostaria de destacar a possibilidade de gire-os, vire-os de cabeça para baixo, endireite-os, corrija sua perspectiva, adicionar filtros de cor e mais. Encontre tudo pressionando os ícones que aparecem à esquerda da tela depois de tocar no botão "Editar" e, em seguida, usando as ferramentas que aparecem à direita.

Outros recursos interessantes

Para terminar, aqui está uma análise de outras funcionalidades interessantes introduzidas pela Apple no iPadOS, graças às quais pode tirar o máximo partido do seu iPad.

  • O que h√° de novo no aplicativo Arquivos - al√©m de suportar unidades de armazenamento externas, o aplicativo iPadOS Files tamb√©m inclui outros novos recursos, como a capacidade de criar arquivos zip, um novo modo de visualiza√ß√£o de coluna, gerenciamento aprimorado de metadados, suporte para a√ß√Ķes r√°pidas, capacidade de usar filtros de pesquisa e compartilhamento Pastas do iCloud Drive (a √ļltima fun√ß√£o, no momento da escrita, ainda n√£o est√° dispon√≠vel).
  • Continue com a Apple - √© um novo sistema de autentica√ß√£o seguro que permite que voc√™ fa√ßa login em v√°rios servi√ßos e sites externos usando o ID da Apple em vez de contas do Google e do Facebook e a combina√ß√£o cl√°ssica de nome de usu√°rio / senha.
  • Apple Arcade - √© um novo servi√ßo de assinatura que, por 4,99 euros / m√™s ap√≥s os primeiros 30 dias de teste gratuito, permite acessar uma grande variedade de jogos sem publicidade ou compras no aplicativo. Voc√™ pode acessar o Apple Arcade selecionando a guia apropriada na App Store.
  • Onde est√° o app - √© o novo aplicativo da Apple que agrupa os aplicativos anteriores ‚ÄúFind my iPhone‚ÄĚ e ‚ÄúFind my friends‚ÄĚ. Portanto, permite que voc√™ localize seus dispositivos e amigos remotamente.
  • Automa√ß√£o - √© um novo recurso do aplicativo comandos da Apple que permite automatizar a execu√ß√£o de certas opera√ß√Ķes com base em condi√ß√Ķes espec√≠ficas (por exemplo, a uma determinada hora do dia ou da noite, ao sair de casa, ao ativar o modo avi√£o, etc.).
  • Capturas de tela de p√°gina inteira - iPadOS permite tirar screenshots de p√°ginas e documentos inteiros. Basta fazer a captura de tela normalmente, abrir o em miniatura que aparece no canto inferior esquerdo e selecione a guia P√°gina inteira, na parte superior, na pr√≥xima tela.

Para mais informa√ß√Ķes

Voc√™ j√° deve ter entendido bem como o iPadOS funciona e quais s√£o seus principais recursos. Por√©m, se voc√™ quiser se aprofundar no assunto e quiser saber ainda mais sobre esse sistema operacional, pode dar um ‚Äúsalto‚ÄĚ no site da Apple, na p√°gina dedicada √†s caracter√≠sticas do iPadOS.

Além disso, se você "mastigar" um pouco de inglês, recomendo fortemente que você leia a análise do iPadOS (e iOS 13) feita por Federico Viticci no MacStories: o mais completo e exaustivo que você pode encontrar online.

Como funciona o iPadOS

√Āudio v√≠deo Como funciona o iPadOS
Adicione um coment√°rio do Como funciona o iPadOS
Comentário enviado com sucesso! Vamos analisá-lo nas próximas horas.